quinta-feira, abril 28, 2011

CORREIO AZUL (25)

             1. FÁBRICA DE CAMPEÕES!

                 A equipa de futebol na categoria de júniores sagrou-se pela 20ª vez campeã nacional, quando ainda faltam cumprir duas jornadas para o fim da prova, vencendo ontem a Naval por três golos sem resposta. Realce-se que nada menos que sete dos componentes desta equipa já foram campeões nacionais nas categorias de juvenis e iniciados nos dois últimos anos.
                 Rui Gomes, o treinador, tem vindo a fazer um trabalho de enorme qualidade na formação de futuros craques, afirmando-se como um técnico de grandes qualificações que lhe garantem um futuro brilhante ao mais alto nível de competição.
                
http://3.bp.blogspot.com/-bazLlLJg9e0/Tbk_PMBh7WI/AAAAAAAADg4/7hyvy3r7VNI/s1600/juniores.jpg
           
            2. EQUIPAS FAVORITAS.

                Não sei porque carga d'água se há-de falar sempre de favoritos quando se vão enfrentar duas equipas de futebol. Não há jornalista que se prese que não vá para uma conferência de imprensa, entrevista ou faça uma análise relacionada com determinado jogo que não leve engatilhada a questão do favoritismo: porque joga no seu terreno, tem um jogador que é alto, já venceu na época passada, marca muitos golos mas a defesa é permeável, aponta mais golos entre os 43´,30´´ e o fim da primeira parte do que aos 90´+ 4' da segunda, enfim, desfazem-se em debitar à exaustão os argumentos mais ínfimos para concluir que um dos contendores tem vantagem em relação à outra e, nesta medida, tem a vitória garantida.
                Porém, como é sabido, o futebol não é nem nunca será uma ciência exacta. Dois mais dois nem sempre é igual a quatro e, qualquer resultado, sejam quais forem os intervenientes, venha donde vier o prognóstico, só é possível conhecer quando o árbitro der o jogo por terminado, o que permite concluir que vale tanto o palpite de um expert na matéria como o alvitre da dona Victória que nem sabe a cor das camisolas do clube de que se diz adepta.
                Equipa favorita? Só conheço a que se dedica ao fabrico dos deliciosos chocolates com a marca "FAVORITA". E, já perdeu, quem entrar num jogo convencido de que o seu adversário não espera vencer o duelo.
              
                

        

Sem comentários:

Enviar um comentário